sábado, 13 de maio de 2017

Deixa o fanatismo pro futebol

Odeio falar de política. Odeio por causa do fanatismo envolvido. Fanatismo pode ser aplicado em paixões de válvula de escape, como é no futebol.

Porra. Eu quero o Rodriguinho e o Jô na seleção. Mas isso não vai influenciar em nada no futuro do país.

No face vejo indiretas e diretas. Uns defendendo a esquerda, outros a direita como se fosse um time de futebol.

Enquanto isso, petistas e tucanos estão enchendo os bolsos e eu e você vamos trabalhar até calejar.

Política tem que ser algo que ajude os patrões a progredir com sua empresa e não foder o cidadão, tendo ações que ajudem todos a ter uma vida digna.

Enquanto você só pensa na sua classe, os ideais se tornam praticamente nulos. Se não for o empresário, você não leva o arroz pra casa. E se não for o trabalhador, a empresa simplesmente não anda.

Deixa o fanatismo pro futebol. Por favor.


Continue abrindo a mente!

Tudo termina em cinzas

Transbordar

Retrovisor

Nenhum comentário: