quarta-feira, 14 de agosto de 2013

Tripas do padre

Os homens só serão realmente livres quando o último rei for enforcado nas tripas do último padre. ( Diderot )


Bom, galera. Tava estudando e vi essa frase, achei ela excelente ( não sei se pelo caso de eu ser ateu ou algo do tipo ), mas depois comecei a analisá-la friamente e percebi que eu gostei dela não somente por essa pequena ofensa a religião.

Primeiramente, devemos olhar que Diderot não quis falar ao pé da letra, apesar de na época o mundo europeu ser tomado por absolutistas e católicos. Todavia, se analisarmos friamente, podemos olhar que rei é toda e qualquer autoridade política e padre é a repressão religiosa.

Agora, olhando de forma mais minuciosa, a frase poderia ser: “Os homens só serão realmente livres quando tiverem liberdade de escolha e não forem repreendidos por nenhuma obrigação divina”.

Eu acredito nessa frase, sei que sofro dos maus políticos e até mesmo de “verdades religiosas”, mas pensando um pouco em Marx e sua utopia de comunismo ( e tudo vai pro público ), eu queria que o mundo fosse assim, mais belo e menos repreendido. Todavia, sei que nunca vou ver isso.

No mais, ótima frase e é melhor ainda para postar no face e afrontar alguns religiosos haha. ( Desculpa, se alguém se sentiu ofendido – aceito retaliação nos comentários ).


2 comentários:

Jean Carlos disse...

Apenas uma ideia...
Se pra você Deus não existe, não teria por quer ficar lembrando tanto de alguém que não existe e ficar falando em vão.
Mas se você um dia quiser a mudança, vai ter que querer mudar realmente.
O importante é sabermos que nós precisamos de Deus e não ele de nós.

reinaldo del trejo disse...

Ué Jean. Nesse texto eu não falei de deus e sim da religião. Porém, respeito sua opinião.