quinta-feira, 30 de agosto de 2012

M de Manzano! O Começo




Guilherme Manzano é um cara pouco normal, que não liga de falar tudo o que pensa, é chato na maioria das vezes, mas é uma pessoa de coração bom. Adora ficar com os amigos e jogar muito vídeo game.

Pretende entrar no mundo dos códigos binários e se formar em Ciências da Computação. Gosta de ficar sozinho para pensar na vida e refletir sobre o mundo. É palmeirense roxo e muitas vezes, um belo pé no saco, mas acima de tudo é uma grande pessoa.

Conheci o Manzano na Sabesp, quando comecei a trabalhar, foi no dia do nosso primeiro pagamento, ele disse que eu era nojento por ter cabelo no suvaco. Na época, achei ele um grande mala sem alça, aos poucos fui percebendo que ele era só um pouco chato, irreverente e sincero acima de tudo.

Ele vai mandar você ir se fuder sem pensar duas vezes, e te mandará para a puta que o pariu trezentas vezes seguidas. Mas se precisar de um conselho, ele irá te ajudar sem medo das consequências.

Conhece o vídeo do “Gordinho da Montanha Russa” ? Não? Deveria, porque a partir desse vídeo, ele conseguiu mais de 500 mil visualizações no YouTube, um inúmero incrível que talvez eu não consigo no meu Blog durante toda a minha vida.

O Blog Mente Aberta vem passando por uma reformulação, e o “M de Manzano” é um dos meus projetos para aumentar a popularidade e diversidade do blog, porque quero que esse seja um local para todos os gostos. Seja esportivo, cultural, ou seja lá como.

O “M de Manzano” não sei como vai ser publicado, diário, semanal, seilá, isso vai depender muito da inspiração do Guilherme Manzano, e quanto mais fazer os vídeos, mais será publicado.

O primeiro tema será sobre a “Friendzone”, uma zona que muita gente já entrou, principalmente nerds que jogam vídeo game e assistem Star Wars ( nada contra tá? Eu também sou assim ).

Guilherme Manzano é uma pessoa irreverente, forte, implacável, e segue abaixo o vídeo da montanha russa, e uma entrevista com o novo personagem do Blog Mente Aberta.

Aproveitem sem moderação alguma, porque o vídeo e as respostas são muito bacanas.





Segue a entrevista:


Quem é Guilherme Manzano?

R: Um cara pouco normal, que não liga de dizer o que pensa, e que apesar de ser chato na maior parte do tempo com todo mundo, se preocupa muito com seus amigos e pessoas que lhe são queridas.


O que você gosta mais de fazer?

R: Eu vivo dizendo que adoro ficar jogando e tudo mais, só que acima de tudo, gosto muito de ficar junto com os idiotas dos meus amigos.


O que pretende da vida?

R: Quero justificar a minha nerdisse com computadores e entrar na foda do sistema binário de ciência da computação. Também seria legal estudar física, mas infelizmente não é um campo tão promissor atualmente :/


O que lhe faz bem?

R: É muito bom ficar sozinho de vez em quando, organizando as ideias, pensando na vida e jogando mortal kombat.


O que te levou a fazer o vídeo da montanha russa no Hopi Hari?

R: Cara, no dia que fomos naquela porcaria de parque, o primeiro brinquedo que andamos foi logo o Elevador, e aquela merda me fez ficar de estomago embrulhado durante o dia TODO.

Então pra me distrair, eu fiquei filmando algumas coisas do parque e fazendo comentários, pra depois mostrar os vídeos pra todo mundo aqui em casa e tudo mais. Mas o meu primo riu tanto quando assistiu o vídeo, que legendou ele inteiro e colocou no youtube pela minha conta enquanto eu estava usando o computador. E deu no que deu.


Qual foi a sua reação com o sucesso do vídeo?

R: No dia, eu fui trabalhar, quando abri youtube pra ver como ele estava (eu não postei, mas fiquei curioso do mesmo jeito). Quando vi que 20 mil cabeças já haviam assistido aquilo e que o número continuava subindo eu dei muita risada. Foi uma surpresa muito da hora.


Por que você acha que ele fez tanto sucesso?

R: Não foi uma volta dos sonhos, eu já estava cansado de tanto andar no parque e meio enjoado. Minhas pernas não colaboraram e me trollaram, dando cãibra no meio do brinquedo. Eu acabei me ferrando muito naquele vídeo, e a galera adora ver gente se ferrando (:.


Se defina com uma frase.

R: “A vida é muito curta para ser levada a sério” (Essa frase deve ter um autor, mas tenho preguiça de descobrir quem é).


Você já se decepcionou pela Friedzone?

R: Já sim, acho que todo homem já sofreu com isso.


O que é essa zona tão temida pelos homens?

R: Basicamente, é o lugar pra onde a mulher te manda quando você é legal com ela e não a trata como uma vadia.


Como pretende fazer o vídeo?

R: Não responderei essa ainda, mas vamos conversar depois pra nos organizarmos.


Acredita em destino?

R: Acredito sim, e também acredito que cada um é capaz de formar o seu.


Se o Yoda te dissesse “Que a força esteja com você”. O que responderia?

R: Cara, eu não responderia nada. Sairia pra destruir a estrela da morte pela milésima vez com meu sabre de luz depois de uma dessa.


O que você acha de mim, Reinaldo Del Trejo?

R: Apesar de ficar te zoando em 90% do tempo que estamos conversando, te acho um cara foda. Por expor suas ideias (por mais absurdas que elas possam ser), e por não ter medo de ser você mesmo, tratar todos com igualdade, entre outras coisas.


Por que não raspou o peito como a aposta do jogo “Corinthians x Palmeiras” ?

R: Porque não sou Tony Ramos igual você.


Que jogo está jogando agora?

R: Olha, no Xbox eu estou começando a zerar Dead Space 2. E sempre que fico no computador também entro no Skype pra jogar League of Legends com os amigos ô/


Qual o filme mais marcante de sua vida? E por quê?

R: Toda a coleção de Piratas do Caribe, não deve ser segredo pra ninguém o quanto gosto desses filmes. Ele não passa nenhuma lição de moral extrema e tudo mais, mas adoro a forma como eles retratam que não importa o que você seja: um pirata, um ferreiro ou até mesmo uma criatura amaldiçoada pelo tempo. Todos somos capazes de fazer o bem.


Se pudesse mudar algo no mundo, o que faria?

R: Destruiria a miséria. É muito triste saber que enquanto estou assistindo tv na minha casa, uma outra pessoa no mundo está passando fome e não possui recurso nenhum pra tentar mudar sua situação.


Você se considera irreverente?

R: “Uma pessoa irreverente é alguém que vai contra as normas da sociedade e da boa educação que considera sem importância, vive a vida do modo que se sentir feliz e à vontade, sem se importar com costumes antigos e regras sem motivo.” Seguindo essa maravilhosa definição do google, eu me considero bem irreverente.


O que o normal significa para você? E o que você acha das pessoas “normais”?

R: Normal é o padrão do ser humano, o conformismo que faz com que ele não faça diferença nenhuma no seu meio social.

Acho que todos deveriam fazer e dizer o que pensam, mas sempre tomando cuidado para não magoar outras pessoas, não serem apenas mais um nesse planeta gigante, e sim fugir da normalidade e criar uma identidade própria, que faça com que os outros se lembrem dele por suas atitudes positivas.


Como você lida quando uma pessoa te reprime?

R: É realmente difícil alguém conseguir isso. Eu estou bem humorado em boa parte do dia e não ligo muito para o que acham de mim. Normalmente quando alguém consegue me reprimir, é pra não me deixar fazer nenhuma cagada e eu costumo aceitar.


O que acha de Tchu Tcha Tcha, Le le le, Camaro Amarelo e derivados?

R: Bom pra festas. A ausência de letra me faz não gostar de ouvir isso em casa, por exemplo.


Defina pagode.

R: Ritmo musical sem graça com musicas que tem letras retardadas na maioria das vezes, mas que muita gente gosta, então talvez eu tenha mal gosto musical (o que não acredito ser).


4 comentários:

Garota Mania disse...

parabéns pelo novo integrante, e boa sorte para o blog nessa nova fase!!!

~> Viver sem limites

R. Leroux disse...

Bem legal essa sua ideia de fazer de seu blog uma coisa "polivalente", para todos os gostos. Boa sorte com seu novo colaborador, (apesar de eu não acreditar em sorte, kkk'). Abraços

R. Leroux

reinaldo del trejo disse...

Garota ¨& Leroux : Obrigado pelo carinho, é bom trazer irreverência para o Blog.

Grande Abraço!

Setembro Chove disse...

1 + 1 - 7, ISSO NÃO É NORMAL