quarta-feira, 15 de agosto de 2012

Hora da Vet: Introdução à Metodologia do Trabalho Cientifico

Aula: 01
Data: 07/08/2012
Matéria: Metodologia do Trabalho Cientifico
Termo: 2
Professor: Paulo Eduardo Pardo
Tema: Introdução à Metodologia do Trabalho Cientifico
Instituição: Universidade do Oeste Paulista – UNOESTE




Introdução à Metodologia do Trabalho Cientifico

A primeira aula de “Metodologia do Trabalho Cientifico” foi extremamente curta,sendo uma breve explicação do que trata a matéria e seus objetivos.

A metodologia é uma matéria que tem como intuito auxiliar na compreensão do aluno de medicina veterinária sobre alguns assuntos, como o passo-a- passo de trabalhos técnicos, apresentações e afins.

O seminário será trabalhado esse semestre, lembrando que ele é uma maneira de expor um assunto pela oratória. Ter uma maneira adequada de fala é extremamente importante, além de Slides bem feitos para manter sempre a qualidade da apresentação elevada.  

O tema para ser abordado pode ser qualquer que ressalte a veterinária, só que é aconselhável escolher temas que sejam bem definidos e até certo ponto mais acessíveis, como mastite em tetas de vacas leiteiras.

A postura é outro importante componente de uma apresentação, já que mesmo se a informação for irrelevante, caso o orador mantenha a compostura e a voz inabalada, essa confiança fará com que a plateia confie em suas palavras, compostura é essencial.

A noção e o bom senso são dois fatores importantíssimos, para que o assunto destacado não seja considerado sem sentido ou até mesmo cansativo.

No momento em que a palestra começar a ser passada, o orador tem que olhar para toda a plateia, olhando tanto o semblante quanto os olhos para que ninguém se considere desprezado pelo mesmo e assim que os espectadores fiquem interessados no assunto.

Estudar o assunto destacado é essencial, para que o orador não se atrapalhe em perguntas da plateia e, se ele ter o conhecimento do assunto tratado, todas as duvidas poderão ser sanadas sem maiores problemas.

As referencias bibliográficas são importantíssimas para que o autor de fotografias ou textos tenham seus creditos ressaltados, já que ninguém gostaria de sofrer plágio.

Tudo tem que ser destacado da forma mais especifica, para que os espectadores estejam a par do assunto e não fiquem boiando depois da palestra.

Para se usarem lasers e coisas do tipo, é necessário ter bastante afinidade com tais, para não dispersar a multidão, já que caso você fique com a luz acesa, é possível que muita gente fique preocupado com a movimentação da mesma, do que com suas palavras.

Nunca diga “É só isso” no fim de uma apresentação, já que isso tirará toda a credibilidade de seu trabalho e estudo. Outra frase que deve ser evitada é “Estou aberto a”, sendo que essa frase pode ser levada no lado maldoso.

No final da palestra, pergunte se a plateia tem duvidas, preste atenção na pergunta da pessoa e responda da melhor forma possível, respeitando o ser humano do outro lado.

O Ideal dos Slides é que sejam colocados somente tópicos, para que seja levantada a curiosidade e assim, fique a atenção localizada única e exclusiva para o orador.


Para Fixação


1 – Como se acalmar antes de uma apresentação?

Apresentações de trabalhos costumam ser bem tensas, e muitas vezes não sabemos como nos portar na frente de trinta, cinquenta pessoas.

Pesquisei na net e achei algumas dicas, como exemplo:

*Prepare bem seu trabalho e ensaie muito, fazendo com que o tempo esteja ao seu lado;
*O assunto foi estudado, você domina ele da melhor maneira possível. Agora, só basta você aceitar que é um conhecedor do assunto e ninguém pode te reprimir naquela área;
*Se adapte aos olhares para você, vários olhares não vão tirar pedaço, se acostume com a observação alheia;
*Tenha confiança, em palestras e em mais do que isso, na vida. Se você não confiar em você, ninguém vai confiar, então, se confie e mostre essa confiança para as outras pessoas.


2 – Quais os temas mais comuns da Veterinária?

Mastite, Doenças causadas por carrapatos, Carbucúlo, Fisioterapia canina entre outros. Existem diversos assuntos diferentes, só que é de praxe que alguns sejam mais viáveis, como os acima.


3 – Qual a melhor postura para uma apresentação?

A melhor postura para uma apresentação é a ereta, onde a cabeça fica erguida e a fala é reta, para que o som da voz não seja reprimido, além de ser importante gesticular com as mãos e olhar sempre nos olhos da plateia.

Evite colocar mãos nos bolsos, se encostar na lousa e ficar andando de um lado para o outro também são pontos negativos.


4 – Como não gaguejar?

Antes de apresentar, respire fundo e tenha confiança. Fale pausadamente, de uma maneira que as pessoas entendam sua voz, pense antes de falar, respire fundo e encare tudo da forma mais natural o possível.

As primeiras apresentações são as mais difíceis, depois com o tempo, o aperfeiçoamento vem, mas para isso só com muito treinamento e prática.


O artigo é escrito por um aluno de Medicina Veterinária. Caso tenha alguma reclamação ou opinião. Não se reprima, comente expresse a sua opinião.


Nenhum comentário: