sexta-feira, 13 de janeiro de 2012

Cadê a verdade?


Peguei uma caneta azul e comecei a rabiscar uma folha de rascunhos, parei e observei freneticamente o meu feito, inverti a folha, na verdade não tinha nada demais, apenas alguns rabiscos entorno de meu nome completo, apenas isso.
Olhei novamente com aquela cara de retardado mental, e tudo parecia tranqüilo, até que comecei a me perguntar, e se o meu azul que está na caneta for diferente do azul que você vê, e se tudo que vemos, a cor é diferente na concepção de cada cor, e se o meu preto for o seu branco e vice-versa, e se tudo aquilo que temos concepção de cor não passar de uma leve e estrondosa falha em nosso cérebro.
O fato é que em nossa cultura, sempre tivemos a visão disso, e o nosso cérebro que capta isso como a verdade absoluta, e tenho uma pergunta, será que isso realmente faz sentido?
Estava observando bem esses fatos e passei a pensar, imagine que existem pessoas que tem preconceito contra a cor da pele e tal, e imagine que a pessoa pode estar sendo de uma certa forma racista consigo mesma, pelo fato de existir um grande ciclo de possibilidades que envolvem todo esse estranho quesito, um quesito que no fim somos todos iguais e pior, talvez julgamos ser diferente por um dia alguém ter dito isso, mas será que tudo isso faz algum sentido?
É tanta coisa, que fica inevitável não duvidar de tudo, o que será que é a verdade, o que é a verdade, por que tudo pode acontecer, o que acontece, que porra é isso?
É muito complexo todas essas dúvidas, mas de certa forma, vemos tudo e esse tudo pode ser um grande equívoco, é muito complicado, é como se o mundo fosse um grande ponto de interrogação para nossa sociedade.
O óbvio seria que o meu preto fosse o seu, só que ninguém pode provar isso ( ao menos, creio nisso), e se ninguém pode falar, olha, tudo o que vemos é a grande verdade, então vivemos em um enorme vazio de vida, e é como se estivéssemos aqui e ao mesmo tempo não tendo certeza.
E de dúvida em dúvida, a única certeza é que não temos nenhuma, e temos que viver para quem sabe um dia descobrirmos a verdade absoluta, ou talvez, nunca chegaremos nem perto dela...

19 comentários:

B. disse...

O mundo é rodeado de dúvidas. Se nem sabemos de onde viemos, como podemos saber se o que a maioria diz por aí, é verdade? Compreendo suas perguntas e confesso que muitas vezes, tb ajo dessa forma.

reinaldo del trejo disse...

é muito complexo, esse mundo é foda de se entender...
E as vezes me pego duvidando de absolutamente tudo, sei que muitas vezes parece delirio, mas esse sou eu...
E nao acho que mudarei tao facil assim...

@biia_anca disse...

eu tenho uma queda por textos desse tipo, complicados, complexos que faz vs parar para pensar... parabéns pelo texto. sucesso.

Clarissa Vergara disse...

As dúvidas são traiçoeiras, o complexo é apenas uma parte real e outra imaginária, o difícil é entender..

Lindo seu blog amiga, parabéns,

to seguindo

http://www.clarissaeletras.blogspot.com/

reinaldo del trejo disse...

Amigo Clarissa :D

reinaldo del trejo disse...

Bia...

Essa é minha essencia, a escrita subliminar, que bom que gostou...

eSpero que volte sempre

beijoo

panda white disse...

já me peguei muitas vezes na mesma situação e isso deixa agente muito confuso. parabéns você escreve muito bem amo seus posts!

reinaldo del trejo disse...

Obrigado Panda :D

Espero que volte sempre, pois vocês leitores que são a essência de meu blog...

Abras

BEPClub disse...

Adorei o bloger =D

Profunda Visão disse...

Olha seu blog fez-me realmente ficar impressionado,todos deviam ter uma mente aberta como nós,mas infelizmente poucos são os que a tem... Muito bom mesmo espero que seu blog possa abrir a mente de muitas pessoas!!



Segue?! - Curte no face?! profundavisao.blogspot.com

Trato de assuntos um pouco como os seus!E assim como você também busco abrir a mente das pessoas e reuni-las no meu blog...

reinaldo del trejo disse...

Profunda visão

Esse é o objetivo, assim como diz o nome do Blog, é abrir a Mente das pessoas para que as mesmas vejam o mundo de uma forma um pouco diferente.
Eu tento mostrar esse lado da vida...

Lucas Adonai disse...

Muito bom cara ! ^^
Gostei, confesso.

Hudson Carvalho disse...

Muito Bom Reinaldo, duvidas muito presentes e que não são nada fáceis de serem desvendadas.
Um grande abraço.

reinaldo del trejo disse...

Hudson

Acho que sao praticamente impossíveis de serem solucionadas...

Isak de Castro disse...

muito legal... vou seguir e volta sempre que poder. abraços
http://isakdecastro.blogspot.com/

Mosaicos de uma vida disse...

Texto que nos faz refletir. Digno, inclusive de discussão em grupo uma vez que abre um leque para questões como racismo, preconceito, etnocentrismo...
Parabéns

Rock in Culture disse...

O Mundo é assim duvidoso complexo traiçoeiro. O destino ou não da vida é saber guiar e entrar neste mundo sem se perder otimo texto

BEPClub disse...

Nossa, muito bom mesmo, vc escreve super bem!

João Batista de Lacerda disse...

Como disse o filósofo: "sei que nada sei."
Se ele que foi um dos maiores sábios da humanidade disse isso, então imagine nós.
Nós sabemos apenas algumas migalhas do saber total, que só mesmo Deus detém, conserva consigo.