quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

Vários dentro de um só


Era eu e você, como se não houvesse outro razão para vida, era como se tudo se resumisse a nós.
Até que do nada, tudo mudou, não sei exatamente o porquê, mas não era mais a mesma coisa, como se todos aqueles momentos tivessem um tempo determinado para acabar.
Antes tudo era lindo, como uma tarde de verão, mas o tempo passou, agora nada passa de uma noite fria de inverno.
Quando um sorriso seu eu avistava, tudo mudava, meu dia radiava, agora te vejo, não sinto absolutamente nada.
Pois eu tenho saudades do que você um dia foi e não do que você é.
Na verdade eu não conheço o que você é atualmente, eu conheci o seu ser antigo, e era apaixonado sim por o que você foi, e agora, não sinto nada.
Só me restam as boas lembranças...
Sei que mudei também, e talvez essa minha mudança tenha lhe afastado...
Ou talvez não, acho que nunca saberei a resposta...
O meu eu de hoje não é o meu de ontem, e não será o de amanhã, não sei o quão bom isso pode ser, mas é isso que acontece, as pessoas mudam.
Começo a pensar e sei que no fundo, tenho saudades do que você foi, e não do que é.
E você nunca será o que foi para mim, mas pode ter certeza de que um dia eu senti algo intenso por você, mas hoje, não passa de uma vaga memória.

11 comentários:

Rock in Culture disse...

Muito confuso

Lucas Adonai disse...

Muito bom!

Carlos Rodrigo disse...

muito legal
Continua assim, bom texto.
http://www.carlosrodrig.blogspot.com/

reinaldo del trejo disse...

O Objetivo desse texto foi a confusão...
Mas nao vejo nada de incoerente nele!
Critique de forma construtiva, se acha confuso, justifique o pq...
E nao apenas = MUITO CONFUSO _ _!

Lucas Ribeiro disse...

bastante confuso...




http://www.skinnysfromhell.co.cc/

Blog UaiMeu! disse...

Vi aqui conhecer seu blog!
Parabéns pelo poema!!!

Abraços

Lucas Ribeiro disse...

Agora entendi....belo poema =).


http://www.skinnysfromhell.co.cc

reinaldo del trejo disse...

Vlw, kkkkkkkk, eu escrevi direto, nem havia prestado atençao direito ...

Mas vlw...

Anna disse...

Tenho esse sentimento o tempo todo, a tal da confusão. Adorei o seu texto, porque as vezes também sinto vontade de dizer isso pra um alguém.

Alex Monteiro disse...

Quanto texto romântico bonito, ^^

reinaldo del trejo disse...

Obriga pelos elogios, voltem sempre :D