segunda-feira, 21 de novembro de 2011

Enfim 18


Enfim cheguei a meus 18. Putz, foi tanta ansiedade, que agora, olhe só, já sou maior de idade, mas o que será que irá mudar?
Bom, não tenho assim tanta certeza, aliás, não faço a menor ideia, talvez agora com a maioridade, meu subconsciente me force a ser mais responsável com alguns assuntos, bom, que tipo de assunto?
Não sei bem, eu sinceramente me acho um pouco responsável sim, é complicado que de vez em quando eu fico puto com tudo, e quando fico puto com alguma coisa, eu sei que viro uma merda de se lidar, mas fazer o que, todos temos falhas e isso é inevitável.
Quando falo que algo muda, quero colocar em ênfase que tem momentos em que temos que nos tornar mais responsáveis com nós mesmo, e acontece que tem datas que parecem que nos obrigam a isso.
Espera ai, tem datas que nos “obrigam” a isso?
É isso mesmo que eu escrevi?
Quer saber?
Fodasse essa porra toda, to nem ai o que uma data vai dizer, sou maior de idade? Sim, sou. Sei que esperava e muito essa data, só que também sei que não posso me obrigar a mudar por causa de algo ilusório.
Fiquei feliz em enfim completar 18 anos, pois agora poderei fazer algumas coisas que a sociedade tenta impedir para menores de idade, só tenta, essa é a verdade, é claro que tem que ter um limite e tal, só que isso é muito estranho, acho que um ser humano não se torna responsável ou não a partir de um ponto, isso é muito mais complexo que isso.
Ponto final, nada a mais do que isso, acho que a sociedade é uma bosta hipócrita que tenta nos moldar, e temos que lutar contra isso para não nos virarmos coisas maleáveis.
Afinal, ninguém pode nos obrigar a fazer nada...

Nenhum comentário: