quarta-feira, 14 de setembro de 2011

A diferença entre Desculpa e Perdão


As palavras perdão e desculpa, apesar de serem um pouco parecidas, são de significados totalmente diferentes, logo existem algumas disparidades que às vezes, em nosso dia-dia, simplesmente não o notamos.
O desculpa, como diz a palavra, vem do Des = Tirar, como a palavra des vem de tirar, culpa como conhecemos, significa tirar a culpa, ou seja, é usado quando queremos que a pessoa entenda que nosso ato foi inconsciente, sem intenção, uma coisa que simplesmente não deveria ter acontecido.
Já a palavra perdão é um pouco mais elaborada, pois é algo que a pessoa que o pede, está arrependida do erro que foi feito de forma consciente, ou seja, é um pedido de esquecimento do erro, é claro, se a pessoa ter um pouco de dignidade, não retornará a cometer o mesmo equivoco.
Vendo as duas definições, é muito claro as disparidades de ambas, sendo que uma é um tipo de arrependimento, já a outra é uma justificativa de que o ato foi involuntário.
O problema é que muitas pessoas pedem desculpa ao invés de perdão, só que esquecem que é algo notavelmente desonroso pedir a isenção de culpa para um ato feito em sã consciência, isso mostra uma falha incrível, e pode ser até considerado um erro de caráter.
E existem aquelas pessoas que pedem perdão para tudo, e acham que tem o direito de repetir o erro insistentemente, esse ato também é um pouco duvidoso, sendo que coloca todo o valor da pessoa que repete seus enganos, e faz parecer que a mesma o faz por simples prazer.
Enfim, o erro faz parte do ser humano, isso é lógico, mas insistir em erros idiotas, passa a sair da coerência e passa a entrar em um aspecto de falta de personalidade, e isso é um risco mesmo para a pessoa, pois a partir do momento em que a pessoa passa a errar instintivamente, a pessoa passa a ser isolada de seus amigos, e isso não traz bem algum para ninguém, o isolamento traz sentimentos extremamente sombrios, e essa mesma pessoa aos poucos não terá ninguém para se apoiar nas horas difíceis que o cotidiano proporciona de forma até corriqueira. Por isso, cuidado com seus pedidos de desculpa ou perdão, os peça somente quando ter certeza do que está falando.

2 comentários:

# JL disse...

Mt legal o texto. Parabens!

reinaldo del trejo disse...

É, tem diferenças básicas entre ambas as palavras...